agosto 22, 2017

Minha Vivencia Espiritual

Minha saudação Fraterna a todos!

Cada vivência é íntima, cada ser seguiu um percurso diferente  da outra.

Então hoje vim relatar minha jornada, uma vivência na qual pude conhecer e me aprofundar

Embarquei numa viagem com uma bebida indígena chamada Ayahuasca, quando estamos sobre efeito desse chá os sentidos se expande e  com isso nossa percepção  do mundo aumenta.

Esse chá é feito com 2 plantas , o Jabuge (um cipó) e a chacrona (uma folha),  feito por pajés xamãs durando horas e horas para ser preparado.

 

*Minha experiência com  a bebida Sagrada *.

Embarquei nessa viagem, dando início me olhando profundamente… mais como descrever ou desenhar para quem nunca passou por uma jornada como essa?! As paisagens com qual você se deparam durante o trajeto, como explicar aquilo que você encontra ao olhar com tanta profundidade para dentro de si! É algo inexplicável… Para alguns seja uma bebida alucinógena, para outros uma mágica, e para mim uma descoberta, renovação, uma Dádiva toda aquela vivência foi mágico algo inusitado, pude me conectar com o sagrado ver como o plano Divino é Maravilhoso.

Conectei-me com os índios, uma tribo indígena, me foi permitido me conectar e receber essa cura não só carnal mais a cura dá alma, me aproximei dá Espiritualidade de uma forma que jamais imaginei conhecer me percebia a presença dos nossos amados Mentores.

A cada vivência que ia passando brevia ia aprendendo com cada ser espiritual que foi permitido se conectar comigo, guardava profundamente todo aquele aprendizado. Se conectar com a natureza com a grande mãe, captar um pouco dessa energia que nos renova e nos transforma, conheci um pouco mais alguns guias, espírito que me acompanha nessa grande jornada espiritual dá vida, ali me aproximei um pouco mais deles e recebi mensagens, naquele momento percebi que não estava sozinha e que nunca estaremos por mais que não vejamos .

 

*O Despertar *.

Graças ao nosso mestre Jesus é todas os Seres de luz, tive a permissão de me conectar com  as Divindades, a partir daquela jornada muitas coisas na minha vida foi modificando, tudo que absorvi me levou a ser ou tentar ser cada dia melhor, aprender diariamente, a vida nunca pare de nos ensinar…                                                                                                           Percebi quanto somos falhos, aprendi mais, antes de julgar qualquer ser eu devo-me auto-julgar, me julgar diariamente, pois só assim viverei em plenitude. Devemos seguir o caminho que nós faz Bem! Uma informação não produz o mesmo efeito em todos os seres que a recebem. Cada um a absorve segundo sua própria necessidade, seus condicionamentos e seu grau de abertura para o novo. Na simplicidade, conheceremos a essência de todas as coisas. A experiência de outro pode servir-lhe de indicação, mas a verdadeira compreensão só é obtida quando às vivemos.

A energia, assim como a luz do sol, doa-se a todos igualmente; como a chuva, faz crescer as plantas, sejam boas ou más. Cada Lei, cada instrução que nos chega, é como uma semente germinada que nos é posta nas mãos. Se não é prontamente colocada na terra, acaba por morrer; e se a terra não está lavrada, igualmente sucumbirá.            Nosso trabalho não se destina às aparências, mas à essência.                             De seu passado, o conhecimento; de seu futuro, nada a esperar; o futuro não nos pertence, mas tampouco podemos dele descuidar. Somos todos iguais viemos para uma só missão a aprender e evoluir, viver em plenitude.

Com tudo, o que eu quero passar aqui é que todos nós erramos  somos falhos, somos humanos, mais podemos escolher o caminho em que seguir, podemos escolher entre mudar nossas atitudes ou  permanecer no mesmo lugar… A mudança só acontece quando mudamos de corpo e alma, de nada se adianta viver Experiências e obter conhecimento se nada fazemos para essa mudança ocorrer, que sejamos mais Sábios, que possamos mudar nossos passos e nossas atitudes se conscientizando que sejamos a mudança sendo um sacerdote com mais Amor e compreensão com o próximo , Que tenhamos o despertar dá cociente.                                                  

Não basta apenas  ter conhecimento é preciso ter Sabedoria

 

*Minha Visão *

Algo muito difícil em um momento como esse, onde muitos querem fazer valer suas opiniões no grito e parecem priorizar àquilo que são

Contra em vez de qual é o propósito de suas buscas, buscas pelo autoconhecimento e pela compreensão de quem é apenas um grão de areia nesse espaço é tempo do universo. A compreensão de que somos incapazes de resolver todos os dramas do mundo, mais que podemos olhar para dentro de nós mesmos e entender nossos propósitos e limitações para encontrar mais Harmonia em nossa passagem pela terra...

 

*Agradecimentos*

Sou grata a todos que fizeram parte do meu caminho nessa jornada, cada vivência cada conhecimento adquirido um aos outros que compartilharam durante o curso afinal, estamos todos caminhando para o mesmo propósito.

Minha profunda gratidão por *Pai Salun, *Pai Jô e *in memória Pai Gonzaga.

 

Referencias  Biográficas :

-Filme poder além dá vida

TCC Sacerdócio de umbanda /

Pai Salun  fucesp Fevereiro de 2017                                    

Bruna Romero Sanches